Arquivo da tag Natação

Displasia e Natação / Dysplasia and Swimming

A displasia coxo-femoral é um mal que atinge muitos cães. Normalmente os de raça maiores e com histórico familiar. Esportes como corrida e longas caminhadas não são indicados, mas natação é uma forma de conseguir manter seu cão exercitado e garantir seu bem-estar animal. Manter o peso deles controlado também é muito importante pois isso evita a sobrecarga na articulação prejudicada. (Dysplasia and Swimming)

A displasia coxo-femoral pode se apresentar em qualquer idade do animal, mas também pode se desenvolver com o tempo. esse problema é um desgaste da articulação do osso do fêmur que pode chegar a perder o encaixe no acetábulo. Indícios de que o animal pode apresentar esse problema são:

animal que era muito ativo passa mais tempo deitado
o proprietário percebe que para levantar o cão usa muita força nas patas da frente e defende as traseiras
olhando por trás o cachorro correndo ou andando podemos perceber suas pernas cruzando ao darem as passadas
em casos mais avançados o animal pode sentir dor ao toque na região da cintura pélvica em que o fêmur se encaixa.

Caso seu cão seja diagnosticado com esse problema é importante saber que existem alternativas para melhorar a qualidade de vida dele. Consulte um veterinário especializado e aprofunde seus conhecimentos, mas saiba que:

manter o peso do seu amigo baixo ajuda a não forçar a articulação
acupuntura pode ajudar muito diminuir o desgaste
existem cirurgias reparadoras para alguns casos
natação ajuda a fortalecer a musculatura e ligamentos

E lembre-se que você deve evitar corridas e esportes com saltos para evitar o impacto sobre a articulação.

A displasia coxo-femoral em casos avançados pode causar o impossibilitamento do animal mexer os membros posteriores. Esse é um momento muito delicado na família. Muitas pessoas optam pela eutanásia do cão, mas hoje existem alternativas desde que a dor seja controlada e não comprometa o bem-estar animal do seu cão. É importante lembrar que o cão pode estar com as pernas paralisadas, mas sua mente funciona perfeitamente. Ele continua sendo o mesmo cão amável que ama a família inconcionamente, a única diferença é que ele tem uma necessidade especial que deve ser respeitada.

Caso seu cão comece a parar de mexer os membros posteriores por conta da displasia ou de qualquer outro fator você pode optar por cadeiras de roda especiais para cães. Ele vai conseguir se adaptar bem e continuar sendo o mesmo amigo feliz e oferecer carinho à familia humana.

O abandono do animal é uma opção condenável, lembre-se de que seu amigo tem sentimentos e considera a família humana como parte de sua matilha. Cuidar dele é obrigação da família.

Raças com maior probabilidade de desenvolverem displasia coxo-femoral:

labradores
golden retrivers
rottweilers
pastores alemães/belga
Dog alemão

Acuputuristas que indicamos:
Niterói: Dr. Marcello Martinho
Rj: Dra. Luciana Robalinho

Displasia e natação / Dysplasia and swimming

A prática da natação fortalece a musculatura e tendões da articulação / Swimming makes the muscles, ligaments and joints stronger

ENGLISH VERSION FOR ENGLISH SPEAKERS

The coxofemoral dysplasia is a condition that affects many dogs. Usually the biggest race and family history. Sports such as jogging and long walks are not indicated, but swimming is a way to be able to keep your dog exercised and ensure their welfare. Maintain their weight controlled is also very important because it avoids overloading the joint affected.

The coxofemoral dysplasia can present at any age of the animal, but can also develop over time. this problem is wear of the articulation of the femur bone that can get lost in the acetabular socket. Evidence that the animal may exhibit this problem are:

animal that was very active spends more time lying
the owner realizes that the dog uses to raise a lot of strength in the front legs and the rear supports
looking behind the dog running or walking can realize crossing your legs to give the past
in more advanced cases the animal can feel pain to the touch in the region of the pelvis where the femur fits.

If your dog is diagnosed with this problem is important to know that there are alternatives to improve the quality of his life. Consult a veterinarian specialized and deepen their knowledge, but be aware that:

keep the weight down helps his friend not to force the joint
Acupuncture can help greatly reduce the wear
There are some cases to repair surgeries
Swimming helps strengthen the muscles and ligaments

And remember that you should avoid sports and racing with jumps to avoid the impact on the joint.

Dysplasia coxofemoral in advanced cases can cause the animal to move impossibilitamento hindlimbs. This is a very delicate moment in the family. Many people opt for euthanasia of the dog, but today there are alternatives since the pain is controlled and does not compromise the welfare of your dog. It is important to remember that the dog can be with legs paralyzed but her mind works perfectly. He’s still the same lovable dog that loves family inconcionamente, the only difference is that it has a special need that should be respected.

If your dog begins to stop moving his limbs because of dysplasia or any other factor you can opt for special wheelchairs for dogs. He will be able to adapt well and continue being the same friend happy and give affection to the human family.

Abandoning animals is an option reprehensible, remember that your friend has feelings and believes the human family as part of their pack. Taking care of him is the family obligation.

O treino ou adestramento de animais deve sempre ser supervisionado por um profissional da área. Lembrem-se de que todo processo deve ser feito com reforço positivo! Treinar sua ave é fácil, nós podemos te ensinar. Entre em contato conosco, agende uma aula.

  • RSS
  • Newsletter
  • Twitter
  • Facebook
  • Flickr
  • YouTube