Adoção de Cães Adultos

Adoção de Cães Adultos

Imagino que muitas pessoas quando pensam em adotar um cachorro, logo se imaginam com um bebêzinho dentro de casa.

O que a maioria dos “adotantes” não lembra é que esse bebê agirá como um! Passará pelas fases de troca de dentes, roerá os móveis da casa, morderá os braços dos familiares, usará o tapete persa preferido como banheiro, latirá de madrugada para chamar sua atenção, entre outras mil coisas que só um filhote pode fazer por você. Essa fase costuma ser um desespero entre as famílias e se não for rapidamente assistida por um profissional danos comportamentais graves podem surgir nesse período.

Existe uma outra modalidade de adoção pouco divulgada entre as pessoas. A adoção de cães adultos. Partidarista desse tipo de pensamento, me senti no dever de descrever os prós de adotar um cão que seja mais velho.

Cães mais velhos já passaram por experiências em suas vidas que tiveram que aprender lidar com situações de dominância e submissão. Por essa razão, quando vamos a um abrigo e vemos um cão mais submisso ou mais dominante sabemos que aquele padrão é o que provavelmente irá se repetir dentro de casa. Dessa forma o adotante pode escolher mais facilmente o animal que se encaixará na sua família.

Cães mais velhos já trocaram de dentes, dificilmente um cão adotado roe a mobília ou tem o hábito de ficar mordendo a mão do dono.

A chegada em casa é muito mais tranquila. Normalmente são animais que foram abandonados ou viveram boa parte de suas vidas sozinhos, ou seja, quando chegam na casa nova, tudo o que a nova família tem que fazer é dar uma caminha confortável na área destinada ao novo membro da casa. Se o animal ficar fora de casa, é só colocar a caminha na casinha. Provavelmente ele não chorará pela ausência da família.

Sentimento de gratidão, sendo bem controverso, mas conivente com toda filosofia da BEAnimal, os animais que são resgatados comumente expressam gratidão por suas famílias novas de uma forma tão notória que dificilmente alguém discordaria que eles agradecem por estar em casa. E isso nos faz lembrar como é bom fazer a caridade para outro ser, mesmo que não seja humano.

Usar o banheiro. Cães adultos em situações e lugares novos, quando ensinados de forma correta, aprendem a “usar o banheiro” muito mais consistente e corretamente do que os bebês. Obviamente ainda erram, mas são mais rápidos na aquisição do novo comportamento.

Cães mais velhos tem menos energia pra gastar! Eles adoram brincar, aprendem truques novos com muita facilidade mas normalmente eles esperarão a família humana tomar a iniciativa. Ou seja, os animais ficam mais tranquilos durante o dia e exigem menos da família humana.

Tudo isso, estou considerando um cão mais velho, saudável física e mentalmente. Infelizmente muitos cães que estão nos abrigos sofreram abusos durante a vida. Mas mesmo assim, tudo o que esses animais precisam é de um pouco de amor, respeito e carinho para se tornarem animais felizes novamente.

Quebre paradigmas, refaça seus conceitos, cães velhos também sentem amor, também oferecem carinho e ainda serão gratos por receberem, mesmo que no final de suas vidas, um pouco de dignidade e amor de um ser humano.

ADOTE ESSA IDÉIA.

Você que já adotou um cão adulto, entre em CONTATO conte sua história, mande fotos e anexaremos em nossa galeria desse post.


Blog Widget by LinkWithin
Be Sociable, Share!
Equipe BEAnimal

21 pensamentos sobre “Adoção de Cães Adultos

Yuri DomeniconiPublicado em  2:03 am - maio 18, 2010

Pensa que só filhotes fazem bons companheiros para o resto da sua vida? Leia http://bit.ly/cP1yz8 ,comente,conte sua história, mande fotos.

Yuri DomeniconiPublicado em  2:03 am - maio 18, 2010

Pensa que só filhotes fazem bons companheiros para o resto da sua vida? Leia http://bit.ly/cP1yz8 ,comente,conte sua história, mande fotos.

Northon ZaninPublicado em  2:08 am - maio 18, 2010

RT @beanimal: Pensa que só filhotes fazem bons companheiros para o resto da sua vida? Leia http://bit.ly/cP1yz8 ,comente,conte sua histó …

Animais AbandonadosPublicado em  1:43 am - maio 19, 2010

RT @beanimal: Pensa que só filhotes fazem bons companheiros para o resto da sua vida? Leia http://bit.ly/cP1yz8 ,comente,conte sua histó …

Élide (eu mesma)Publicado em  6:18 pm - maio 19, 2010

Eu adotei 5 bebezinhos ( 4 irmãos e o Mike) e um cachorro enorme ( o Zulu)!

Yuri DomeniconiPublicado em  9:27 pm - maio 19, 2010

Élide (eu mesma), conta pros leitores do site como esses animais influenciaram na vida da família. Envie fotos de vocês para colocarmos no álbum do post.

Grande abraço, obrigado por acompanhar as novidades do site!

Yuri DomeniconiPublicado em  1:35 am - maio 20, 2010

+1 agradecimento para @animaisevidajf pela retwitada em nossa campanha pela adoção de cães mais velhos! http://bit.ly/cP1yz8 OBRIGADO

Marina CarboniPublicado em  8:38 am - maio 23, 2010

Eu adotei o Robert, um labrador com vira-latas, com 3 anos de idade. Já faz 5 anos que ele está comigo e posso dizer que foi uma das melhores coisas que me aconteceu. O Robert vivia em um canil municipal ao lado de onde eu trabalhava na época. Comecei a cuidar dele lá no meu trabalho e quando deixei o emprego não conseguia esquece-lo. Depois de uma semana voltei para buscá-lo e alegria dele ao me ver me fez ter certeza que estava fazendo a coisa certa. Mas o Robert chegou em casa cheio de comportamentos perigosos, como pular nas visitas, e correr ao lado dos carros e motos quando escapava. O Yuri, da Bem Estar Animal, nos ajudou muito a melhorar esses comportamentos e hoje o Robert é um cachorro bem tranquilo sem perder a alegria e o espírito brincalão de sempre. Ele é o filhote da família, o ser mais amado desssa casa e trouxe muita alegria para todos.

Obrigada Yuri

Abraços

Marina

Yuri DomeniconiPublicado em  4:34 am - maio 31, 2010

notívagos: opinem por favor no novo vídeo http://bit.ly/cP1yz8 estamos c/ uma pesquisa de opinião se mudamos nosso formato ou não, #AJUDEM

Yuri DomeniconiPublicado em  1:49 pm - jul 1, 2010

http://bit.ly/cP1yz8 Sempre bom lembrar que cães e gatos adultos podem ser ótimas companhias. Agora o post tem um vídeo! Vejam, comentem!

Yuri DomeniconiPublicado em  1:50 pm - jul 1, 2010

RT @YuriDomeniconi: http://bit.ly/cP1yz8 Sempre bom lembrar que cães e gatos adultos podem ser ótimas companhias. Agora o post tem um vídeo! Vejam, comentem!

Ana LuísaPublicado em  11:47 pm - abr 20, 2011

Topei com esse site por acaso, mas queria deixar meu depoimento. O Chico foi encontrado quase morto perambulando pelas ruas com duas feridas enormes e cheias de miíase. Foi tratado pela equipe do ProAnima, aqui em Brasília, e ficou um cão lindo, enorme e muito saudável. Contudo, continuava deprimido e muito assustado com as pessoas. Há quase dois meses ele está morando comigo, meu marido e minha outra vira-lata. A sua mudança foi impressionante: tornou-se um cão alegre e brincalhão, embora muito sossegado e silencioso, além de excelente companheiro. Espero que isso possa incentivar outros a fazer o mesmo!

Yuri DomeniconiPublicado em  4:03 pm - nov 9, 2011

http://t.co/xcln9ngf adotem animais adultos, as felicidades que isso pode trazer eu não posso descrever, só indicar. #Obrigado Cachorro

AudreyPublicado em  2:52 pm - maio 2, 2012

Eu adotei a Belinha uma cachorrinha vira-lata que tinha 6 meses . E agora ela ta com 4 anos de vida.
E eu amo muito ela mesmo ela sendo vira-lata
Eu tenho 4 cachorros e 3 não são de raça
PALOMA a unica que é de raça
NINA
BELINHA
LUA GABRIELLA

Yuri DomeniconiPublicado em  12:00 pm - ago 15, 2012

@animaisevidajf Já viram nosso post sobre adoção de animais adultos? http://t.co/xcliBN75 #Ideia

LaniPublicado em  4:31 pm - nov 26, 2012

Há mais ou menos cinco anos adotei um cãozinho já adulto (parece um Poodle ou Bichon Frisé) e chamei-o de Pedrinho. Ele estava num estado tão deplorável que quando o vi deitado na grama em frente a minha casa eu, primeiramente, achei que fosse uma sacola de lixo. Então meu pai então o resgatou com muita dificuldade. Sem dúvida ele sofreu maus tratos, pois qualquer movimento brusco ele se encolhia de medo. Quanto ao sentimento de gratidão, não tenho duvidas de que ele exista, pois no dia em que o meu pai o resgatou, ele se escondeu atrás do sofá boa parte do tempo, porém, certa hora ele veio até mim e pediu colo (apesar de ser muito medroso, o olhar dele dizia tudo!). Até hoje ele adora um colinho, e o mesmo olhar que ele me deu no primeiro dia ele me dá até hoje. Um olhar sereno, tranquilo, de quem está confortável e que quer dizer "obrigada" ou "te amo". Uma vez ele fugiu por descuido nosso (desconfio fortemente de que ele já teve outros donos e fugiu, pois seus hábitos são muito domésticos), e de carro o encontramos perto de casa, em uma avenida. Quando paramos o carro e o chamamos, ele ficou com um pouco de medo, mas quando viu que éramos nós, ele pulou pra dentro do carro e chorou como se estivesse agradecendo por ter nos reencontrado. Foi mágico! Mais uma vez foi uma manifestação clara e real de carinho e gratidão dele. Ele era um cãozinho extremamente melancólico, quase não brincava (a não ser com o meu outro cachorro, já falecido) e muito chorão. Entretanto, é muito companheiro, carente e adora revirar o lixo e comer papel (penso que deve ser uma sequela de quando ele era "pivete"). Ele é a alegria da minha vida, todos os dias eu agradeço ao Pedrinho por tê-lo encontrado. Ufa escrevi demais, mas é bom quando podemos compartilhar essas coisas com pessoas que entendem esses sentimentos e sem ter que ouvir "ele é só um cachorro". Abraços.

    BEAnimalPublicado em  8:37 am - nov 27, 2012

    Lani, obrigado por compartilhar sua experiência conosco, se quiser enviar fotos do cãozinho e da família feliz e quiser ajudar a divulgar a felicidade que esses animais trazem para nossas vidas eu ficarei muito contente em fazer um artigo com sua história e fotos. #Agradecimentos

tatianePublicado em  2:52 pm - jul 27, 2015

nao consigo ligar no canil dificil

Deixe sua mensagem

  • RSS
  • Newsletter
  • Twitter
  • Facebook
  • Flickr
  • YouTube